Jovem poeta que ganhou Concurso de Poesia em Propriá diz que falta apoio e incentivo

0
47

Ruan Vieira, jovem da cidade de Propriá afirmou em entrevista para CanindéFM que falta incentivo e apoio por parte dos poderes locais para que produtores de conteúdos culturais – nesse caso específico poesia – possam apresentar seus trabalhos.

O jovem ganhou em primeiro lugar no Concurso de Poesia Literária dos 300 anos da Diocese de Santo Antônio. Ele disputou com vários outros concorrentes e foi avaliado por um jurado seleto e conhecedor do assunto. Entre esse jurados – apenas como destaque – estavam o cantor e poeta Sérgio Lucas que tem três CDs, a Professora Helena Santana, Professora Marlene Ribeiro, entre outros.

Ruan Vieira foi entrevistado pelo escritor Cícero Gomes sobre assuntos da música, cultura como um todo e finalizou com o assunto sobre a falta de apoio e incentivo local sem polemizar. É importante que ele não se ateve ao momento atual e sim como no espaço do tempo, passado e presente.

Jovens como Ruan Vieira e Cleno Vieira – não são parentes apesar do sobrenome – escrevem sobre poesia e outros temas, porém, a cidade que já foi uma das referências em termos de nomes que despontaram na área da intelectualidade, música, jornalismo, comunicação e escrita, cultuara por assim dizer, parece viver uma grande era de ostracismo cultural, embora existam atores para fomentar e dar continuidade ao trabalho. Até hoje os dois poetas citados não são conhecidos da maioria da população por só terem apresentado seu trabalho no concurso e no site PropriaNews – hoje migrado para o site RevistaCanindé – onde tinham e ainda tem espaço.

Para os entrevistadores, Cícero Gomes e Adeval Marques, essa falha ocorre acentuadamente em diversos outros lugares do Estado. “Quem sabe seja hora dos poderes olharem para uma juventude que tem muito para mostrar e esse apoio possa vir também de outros “meios de espaços” como programas de rádio local e grupos que fomentem a Cultura com debates e tantos outros estímulos”, afirmou Adeval Marques com reiterada participação de Cícero Gomes.

Por Redação